9 jun 2020 às 09:25 hs |
Cobrança de R$ 37 mil termina com troca de tiros e dois baleados em Campo Grande
Imagem: Reprodução Google Street View

Uma cobrança de R$ 37 mil terminou com troca de tiros e dois homens – de 23 e 24 anos -, baleados no início da tarde desta segunda-feira (08), na Chácara das Mansões, em Campo Grande. Os dois foram encaminhados para a Santa Casa de Campo Grande, onde estão internados sob escolta policial.

Conforme as informações do boletim de ocorrência, o rapaz de 23 anos foi socorrido consciente e orientado. Ele contou que o jovem de 24 anos é seu conhecido, para quem deve R$ 37 mil. Nesta tarde, combinaram de se encontrar, para realizar acerto de parte da quantia.

Quando chegou ao local combinado, na rua Evaldo Braga, o cobrador teria sacado um revólver calibre 32 e efetuou dois disparos, que atingiram as costas do jovem de 23 anos. Atingido, ele caiu no chão e perdeu a consciência por alguns segundos. No entanto, ao recobrar a consciência, o rapaz avançou no outro, momento em que entraram em luta. O devedor então sacou uma pistola 9mm e atirou no cobrador, que foi atingido na perna e braço.

Mesmo ferido, o cobrador entrou em um veículo Fiat Pálio de cor branca e fugiu. O rapaz de 23 anos foi encontrado pela Polícia Militar, sentado na varanda de uma residência, ferido com tiros. A PM então acionou o socorro e o jovem foi levado para Santa Casa pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

Enquanto os policiais militares realizavam o atendimento da ocorrência, compareceu no local da troca de tiros uma viatura da PRF (Polícia Rodoviária Federal), para informar que um rapaz ferido a tiros e conduzindo um Pálio de cor branca pediu ajuda no posto da PRF. Na ocasião, esse rapaz disse que houve desacerto financeiro e ele foi alvejado durante a discussão. Uma equipe da CCR MSVia foi acionada e encaminhou a vítima para Santa Casa.

A Polícia Militar apreendeu as duas armas, calibre 32 usada pelo cobrador do Pálio e a pistola 9mm usada pelo devedor. As armas foram levadas para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol, onde o caso foi registrado. Os dois envolvidos estão na Santa Casa, sob escolta policial.

Fonte:Midiamax

Comentários ATENÇÃO: Comente com responsabilidade, os comentários não representam a opnião do F5MS Notícias. Comentários ofensivos e que não tenham relação com a notícia, poderão ser retirados sem prévia notificação.